Símbolos da JMJ seguem para o Estado do Rio de Janeiro


Da Redação, com Arquidiocese do Rio


Arquidiocese do Rio
Jovens carregam a Cruz Peregrina em celebração no Santuário Nacional
Neste domingo, 21, Dia do Bom Pastor, os Símbolos da JMJ - Cruz Peregrina e Ícone de Nossa Senhora – foram enviados para o Estado do Rio de Janeiro. A celebração que marcou o envio foi presidida pelo arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, no Santuário Nacional de Aparecida (SP).

A Missa fez parte da programação do Hallel Aparecida Internacional, realizado neste fim de semana, e marcou a passagem dos Símbolos do Estado de São Paulo para o Rio de Janeiro. Concelebraram com Dom Orani o cardeal arcebispo de Aparecida e Presidente da CNBB, Dom Raymundo Damasceno Assis, o bispo da Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda, Dom Francesco Biasin, padres do Comitê Organizador Local (COL) da JMJ Rio2013 e diversos bispos e sacerdotes de todo o país.

“Agradeço ao Cardeal Damasceno, pela oportunidade de presidir esta Eucaristia nesse dia memorável que juntamente com o tempo da Páscoa, com o Domingo do Bom Pastor, com o 50º Dia Mundial de Oração pelas Vocações, também celebramos o dia da entrega dos Símbolos da JMJ ao Estado do Rio de Janeiro, através da Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda, primeira porta de entrada dos Símbolos ao Estado”, destacou Dom Orani.

Durante a celebração, os fiéis foram levados a refletir sobre o compromisso diário firmado com Deus. Na homilia, Dom Orani destacou que o Evangelho segundo João salienta alguns aspectos que todos são chamados a viver e que desejam que seja fruto, consequencia da JMJ Rio2013.

“Escutar a voz de Deus significa acolher a sua mensagem, aquilo que Ele nos disse, e nós temos certeza que os jovens e todos que irão ao Rio de Janeiro vão com este espírito de peregrino porque escutaram, escutam e querem sempre escutar a voz de Cristo. (...) Esse envio da Cruz Peregrina e do Ícone de Nossa Senhora deve ir dizendo a todos aqueles que irão para a cidade do Rio que eles são chamados a tudo fazer para estar sintonizado com o coração de Cristo e deixar-se conduzir pelo espírito de Deus, pois este é o desejo do coração do Senhor”, disse.

A entrega dos símbolos para o RJ


Ao final da Missa, os jovens da arquidiocese de Aparecida entregaram os Símbolos da JMJ para Dom Francesco Biasin, que recebeu um emocionado e grande abraço dos jovens de sua diocese no momento em que entregou para eles a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora.

“Foi um momento inesquecível quando os jovens da diocese subiram no altar, pois eu estava lá e de repente me vi abraçado calorosamente por vinte, trinta jovens. Depois fomos juntos acolher e carregar a Cruz e o Ícone de Maria, e passamos no meio da Basílica do Santuário numa grande emoção de todo o povo, sobretudo, dos jovens, que se tornaram protagonistas desse momento tão importante”, afirmou Dom Biasin.

Após a celebração, o cortejo com os Símbolos da Jornada Mundial da Juventude seguiu de Aparecida (SP) para o município de Itatiaia (RJ), onde foi acolhido por fiéis da Diocese de Barra do Piraí-Volta Redonda  no Estádio Municipal Antônio Corrêa.

fonte: www.cancaonova.com

colaboração: Jose Benedito Schumann Cunha

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.