A jornada mundial da juventude e a visita do papa ao Brasil


O Brasil será a sede da jornada mundial da juventude de 2013 que acontecerá no Rio de Janeiro. É um momento de graça e fraternidade entre todos, principalmente os jovens. Isto é uma ação jovem para os jovens e a Igreja dá todo apoio. Os dias que se transcorrem a jornada da juventude são experiências de vivência religiosa em Cristo. Jesus é o centro da fé que nos impulsiona para trabalhar na messe Dele no mundo em que vivemos. O mundo e os acontecimentos nele estão, às vezes, na contramão da historia humana marcada por rancor, ódio, violência de toda ordem contra ela própria e o planeta. Nesses dias há uma confraternização da juventude de todos os continentes da terra, mas numa vivencia da fé que brota do encontro pessoal de cada um deles com Cristo.
Historicamente, estas jornadas aconteceram nas duas grandes concentrações de jovens em Roma, no Vaticano pelos anos de 1984 e 1985. Esses fatos aconteceram no domingo de Ramos. O nosso Beato João Paulo II teve a iniciativa de transformá-las em jornadas mundiais da Juventude que tem acontecido em período de 2 a 3 anos pelo mundo a fora. Cada jornada mundial da juventude tem sido momentos de grandes alegrias e de pertença a Jesus Cristo. O jovem encontra sentido de sua vida Nele e Jesus Cristo respeita o modo do ser jovem dos jovens. Todas as jornadas Mundiais que aconteceram, o papa esteve presente e nós vamos ter a presença do papa Francisco que nos confirma na fé em Cristo.
O fruto dessas jornadas mundiais da juventude é extraordinário, pois tudo é centrado na experiência que se deve ter em Cristo, razão da nossa vida e de opção dos jovens a Ele. Jesus não anula a juventude, pois Ele a chama para caminhar com Ele na empolgação, na força e na alegria de ser jovem discípulo que difunde o amor solidário e fraterno com todos.
O Brasil recebeu os símbolos da jornada mundial da juventude, ( a cruz e o ícone de Maria)  que receberam dos jovens que estavam em Madri em 2011 e o ano passado, esses símbolos começaram a peregrinar no nosso pais pelas nossas dioceses e arquidioceses e agora já esta no Estado do Rio de Janeiro, percorrendo cidades até chegar na cidade do Rio de Janeiro em julho quando acontece propriamente esta jornada mundial da Juventude.
Muitos voluntários se apresentam para ajudar e a Igreja do Brasil está presente, ajudando-os, organizando-os e animando-os para que muitos jovens cheguem até lá e ainda receber muitos que vem de outros países e continentes. Que bela experiência de Deus vamos presenciar e que vai marcar os corações das pessoas e na historia do Brasil.
Se a juventude estiver sintonizada com Deus, com certeza o bem reina e é derrubada entre nós todas as armadilhas do materialismo que aniquila a pessoa, do egoísmo que nos separa dos outros e da violência que deixa feridas profundas na sociedade. Todo investimento dado  a esse evento tem um retorno incalculável, pois o amor de Deus se espalha e nos envia para difundir o evangelho da vida que Jesus veio trazer ao mundo.
Todos são convidados para participar da mesa da fraternidade e que as divergências sejam diluídas na concórdia e na paz que culmina na unidade em Cristo Redentor que está de braços abertos para acolher todas as  pessoas de boa vontade. Jesus nos convoca: "Ide e fazei discípulos entre todas as nações"(Mt 28,19) (Amém)

Bacharel em teologia Jose Benedito Schumann Cunha

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.